sexta-feira, 26 de maio de 2017

Start/Stop CDB/PDB

Start/Stop CDBs (Container Database)


As fases de Startup/Stop do CDB continua o mesmo do modelo tradicional, pelo fato do arquivo de parametros e controlfile serem compartilhados, o start da instancia e a montagem da base só podem serem feitos a partir do CDB, ao abrir o CDB também são abertos os Containers CDB$ROOT e PDB$SEED, ambos são containers non-pluggables, os demais PDBs iniciam no Status de mount por default.

Possiveis Parametros para o Stop/Start do CDB:

STARTUP ' NOMOUNT | MOUNT | RESTRICT | FORCE | UPGRADE | READ ONLY '

SHUTDOWN ' IMMEDIATE | NORMAL | TRANSACTIONAL | ABORT '












Start/Stop PDBs (Pluggable Database)


Como os arquivos de parametro e controlfile são compartilhados para todo o CDB os unicos dois estados de banco que é possivel no PDB são Mount e Open, com suas variaveis.

O Stop/Start dos PDBs depende do contexto em que se esta conectado, pode ser realizado operações de stop/start a partir do CDB$ROOT ou a partir do PDB corrente.


Start/Stop PDBs a Partir do ROOT


Quando realizado o stop/start do ROOT, deve ser utilizado o comando "ALTER PLUGGABLE DATABASE", através dele é possivel iniciar/fechar todos, um ou alguns.


ALTER PLUGGABLE DATABASE [ CLAUSULA-PDB ] OPEN [ MODE ] ;

ALTER PLUGGABLE DATABASE [ CLAUSULA-PDB ] CLOSE [ MODE ];

  • CLAUSULA-PDB
    • Nome do PDB
    • All
    • All except
  • OPEN MODE
    • Read Only
    • Read Write
    • Restrict
    • Upgrade
  • CLOSE MODE
    • Immedate;
    • Abort;
Exemplo Stop/Start All PDBs









































Start/Stop PDBs a Partir do PDB


Conectado ao PDB além do comando alter pluggable database também é possivel utilizar os comando startup e shutdown, ambos podem ser utilizados as mesmas Clausulas (Open Read Only, upgrade, immediate ou abort).

Os comandos executados a partir de PDBs somente funcionam no PDBs corrente, mesmo utilizando usuários comuns com privilegios elevados em CDBs ou outros PDBs, somente é possivel trabalhar no PDBs conectado.


Postar um comentário